sábado, 23 de março de 2013

Habilitando o recurso ExpressCache do seu Samsung Series 5 Ultra com Windows 8


Olá, minhas queridas vítimas  Neste post eu irei comentar como habilitar novamente o recurso ExpressCache na parte SSD do seu HD híbrido. Eu tive esta necessidade pois comprei um Samsung Ultrabook Series 5 com o Windows 7, mas já possuía uma licença de Windows 8 a qual eu (logicamente) queria aproveitar.

Bom, antes de começarmos, é interessante ressaltar que este tutorial serve apenas para quem formatou a partição SSD do disco por algum motivo ou por pura cagada mesmo. Se você não cometeu este mesmo erro que eu, só instalar o Windows e os Drivers do ExpressCache devem ser tarefas suficientes.

Para instalar o Windows 8 corretamente em seu Ultrabook, eu recomendo o seguinte vídeo tutorial: http://youtu.be/2NG204TkQiU

Antes de prosseguirmos, fiquem com um recado de nossos patrocinadores: TODAS AS TAREFAS AQUI DESCRITAS DEVEM SER FEITAS SOB TOTAL CONTA E RISCO DE SEUS EXECUTORES. TAREFAS MAL EXECUTADAS PODEM RESULTAR NA PERDA IRREVERSÍVEL DE DADOS OU DANOS MAIORES OS QUAIS EU NÃO ASSUMO NENHUMA RESPONSABILIDADE!

Bom, uma vez o Windows 8 instalado e a besteira feita (de ter formatado o SSD), você NÃO deve instalar os Drivers do ExpressCache antes de formatar corretamente o SSD. Se você já instalou os drivers, remova-os pelo "Adicionar ou Remover Programas" do Windows.

Tudo pronto, vamos ao que interessa: O ExpressCache trabalha com uma partição HFS+ no SSD (não me perguntem porque) e será necessário que formatemos a partição neste File System. Eis os passos (fontes: http://goo.gl/iinVJ e http://goo.gl/meyAI):

  • Abra o Prompt de Comando (como Administrador) e digite DISKPART;
  • Digite LIST DISK e verifique qual disco é o seu SSD. No meu caso foi o 1, no seu pode ser outro. Lembre-se de que o SSD é sempre BEM menor que o HDD;
  • Digite SELECT DISK 1;
  • Digite CLEAN (E ATENÇÃO, este comando vai apagar TODOS os dados do seu disco sem chance de volta. Tenha certeza de que você escolheu o disco certo no passo 2);
  • Se você estiver usando o Windows 7, digite CONVERT MBR. Para o Windows 8: CONVERT GPT;
  • Digite CREATE PARTITION PRIMARY ID=AF.


Agora está feito. Seu disco está novamente com a partição correta para receber os Drivers do ExpressCache. Para isso, execute o programa  SW Update da Samsung (que pode ser obtido em: http://goo.gl/pRvsk) e depois instale os Drivers do ExpressCache por este utilitário.

Depois de tudo concluído, reinicie seu computador, abra uma janela do Prompt de Comando (como Administrador) e verifique, através do comando ECCmd -INFO, se o recurso está habilitado conforme segue:
C:\windows\system32>eccmd -info
ExpressCache Command Version 1.0.94.0
Copyright® 2010-2012 Condusiv Technologies.
Date Time: 3/23/2013 14:22:54:153 ( #2)

EC Cache Info
==================================================

Mounted                   : Yes
Partition Size            : 22.24 GB
Reserved Size             : 2.00 MB
Volume Size               : 22.24 GB
Total Used Size           : 73.25 MB
Total Free Space          : 22.17 GB
Used Data Size            : 128.00 KB
Used Data Size on Disk    : 66.88 MB

Tiered Cache Stats
==================================================
Memory in use             : 0 Bytes
Blocks in use             : 0
Read Percent              : 0.00%


Cache Stats
==================================================
Cache Volume Drive Number : 1
Total Read Count          : 9567
Total Read Size           : 334.07 MB
Total Cache Read Count    : 12
Total Cache Read Size     : 0 Bytes
Total Write Count         : 2330
Total Write Size          : 66.61 MB
Total Cache Write Count   : 0
Total Cache Write Size    : 0 Bytes

Cache Read Percent        : 0.00%
Cache Write Percent       : 0.00%

E então, depois de algum tempo, execute novamente para verificar se o Cache está acontecendo:
C:\windows\system32>eccmd -info
ExpressCache Command Version 1.0.94.0
Copyright® 2010-2012 Condusiv Technologies.
Date Time: 3/23/2013 14:30:22:851 ( #2)

EC Cache Info
==================================================

Mounted                   : Yes
Partition Size            : 22.24 GB
Reserved Size             : 2.00 MB
Volume Size               : 22.24 GB
Total Used Size           : 336.75 MB
Total Free Space          : 21.91 GB
Used Data Size            : 263.63 MB
Used Data Size on Disk    : 330.38 MB

Tiered Cache Stats
==================================================
Memory in use             : 256.00 MB
Blocks in use             : 2020
Read Percent              : 1.42%


Cache Stats
==================================================
Cache Volume Drive Number : 1
Total Read Count          : 49488
Total Read Size           : 2.76 GB
Total Cache Read Count    : 670
Total Cache Read Size     : 73.10 MB
Total Write Count         : 16960
Total Write Size          : 965.73 MB
Total Cache Write Count   : 781
Total Cache Write Size    : 10.27 MB

Cache Read Percent        : 2.59%
Cache Write Percent       : 1.06%

E enfim está concluída a tarefa! Agora os drivers estão instalados corretamente e o recurso ativo. Seguem algumas notas:

  • Pelo o que eu li, este procedimento funciona para computadores de outras marcas como Lenovo (que é uma porcaria, diga-se de passagem), Dell ou Toshiba, por exemplo. Tudo o que você precisa é obter os Drivers corretos de cada fabricante para que funcione;
  • Normalmente, erros de reconhecimento da partição de Cache pelo ExpressCache acontecem ou porque o disco não está formatado como HFS+ ou não foi convertido para MBR ou GPT;
  • Se você já instalou algum programa como Office, Navegadores ou Antivírus, algumas pessoas sugerem que eles sejam reinstalados após o processo, para que o Cache seja identificado. Fiz por precaução. Vai saber, é ou não é?!


Concluindo, espero que as informações sejam úteis para você, que nunca vai chegar até este ponto do artigo.

Mais informações em:




Beijos nas crianças,
Thiago Lima

p.s.: Lenovo é o meu ovo!

93 comentários :

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Amigo quando chega em (( CREATE PARTITION PRIMARY ID-AF. )) esse comando não funciona ???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo. O comando funciona sim. Retorna alguma mensagem de erro quando você tenta executá-lo? Você escolheu a partição correta para criar a HFS?

      Excluir
    2. O comando "CREATE PARTITION PRIMARY ID-AF" está errado, troque o "-" por "=".
      Mais uma coisa, segundo uma das suas fontes (http://goo.gl/iinVJ) esse comando só funciona quando você utiliza o "convert mbr" ele não funciona para o "convert gpt".

      Excluir
    3. Olá Amigo. Obrigado pelo toque do typo, vou corrigir. Em relação ao comando, eu estou usando o Windows 8 (e, portanto, o "Convert GPT") e rodou sem problemas.

      Abraços!

      Excluir
    4. Eu estou tendo problemas com o comando convert GPT. Também uso o Win8 e até agora nao obtive sucesso com o express cache. estou na luta rsrs

      Excluir
    5. Olá Amigo. De primeira eu também tive problemas com o comando mas estava com a partição apontada para o lugar errado. Verifique se isso não está acontecendo contigo porque, se estiver tudo certo, o procedimento tende a funcionar. Abraços!

      Excluir
    6. Tudo funcionando! Simplesmente eu abri o easy settings e ele criou a partição de recovery e com isso o express cache tbm começou a funcionar :S antes disso eu havia dado o comando "clean" no ssd e mais nada.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Em primeiro lugar, obrigado pelo tutorial. Infelizmente não obtive êxito seguindo as dicas... Apesar do ExpressCache iniciar, ao verificar o seu funcionamento (com o comando no dos "eccmd -info" era relatada a informação relacionada de que a partição HFS não tinha sido montada (HFS unmounted).
    Contudo através do tutorial sabe-se que ele apenas precisa de uma partição HFS efetuei os seguintes procedimentos:

    1 - Baixei e instalei o programa MacDrive (trial) -Reinicie o sistema após a intalação (http://www.mediafour.com/products/macdrive);

    2 - Formatei o disco SSD em HFS com o programa e logo após desinstalei o programa MacDrive -Reinicie o sistema.

    3 - Reinstale o ExpressCache e o EasySettings pelo SW Update da Samsung e verifique se o sistema está funcionando normalmente.

    Obrigado a todos pela contribuição e deixo aqui a minha também...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Léo. Obrigado pela sua contribuição. Eu li sobre o MacDrive mas achei mais complicado de fazer (o que é pessoal mesmo, pode ser que seja mais fácil pra alguém). Além disso, o passo acima também é mais fácil de ser feito ainda durante a instalação.

      Mas claro, fica a dica! Obrigado por compartilhar!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Fiz o que o Oscar sugeriu já, que os outro passos citados não deram certo, reinstalei os drives e tudo, no gerenciador de disco aparece agora as duas partições um sendo a HFS, pois antes não dava, mas ainda não consigo a informação no ECCmd - info se o cache esta funcionando, no recovery diz que o drive esta instalado. Quanto a office, chrome e antivirus, devo instalar no SSD? Já que quando eu deletei o Macdrive ele sumiu...

      Excluir
  5. Oi, obrigado pelo tutotial, Uma pergunta fiz o comando, mais o SSD antes era disco local D, agora ele sumiu, ví no list disk ele está lá, com 2 partição uma reservada para o sistema, e a outra com 22gb, mais no meu computador ele sumiu, DISCO LOCAL D, não aparece é assim mesmo..?
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diego, quando você formata o iSSD como NTFS, FAT ou algo que o Windows consiga ler, então ele monta o disco e você consegue acessá-lo normalmente. Entretanto, como a partição GPT não é nativamente legível pelo Windows, então ela não aparecerá como uma partição montada. Apenas no utilitário de disco mesmo e isso é normal.

      Entretanto, se ele estiver montado no ECCmd -INFO, então está tudo certo. É só sair usando.

      Atualmente, eu tirei o HDD do meu NoteBook e instalei um SSD no lugar. Então eu formatei o iSSD como NTFS para ter os 120Gb do SSD adicionados aos 22GB do iSSD. Pra mim isso foi mais útil uma vez que eu tenho dois discos de tecnologias semelhantes e o cache não ajudaria tanto. Eu só teria menos espaço em disco e ainda a penalização do driver em tomar a decisão de onde escrever meus arquivos.


      Abraços,
      Thiago Lima

      Excluir
  6. Vlw, mano conseguir fazer direitinho, abraços, se precisar estamos ae...

    ResponderExcluir
  7. Respostas
    1. Olá Thiago,
      Muito obrigado mesmo pelo tutorial, foi de muita ajuda. Embora não tenha conseguido a partir das linhas de comando que vc passou e nem pelo MacDrive que o Oscar citou, as duas considerações me levaram outra solução. Eu já estava desistindo, mas pensei na minha reputação, rs. Sacumé, né? Testei e funcionou.

      Quando instalei o ExpressCache apareceu uma mensagem dizendo que não foi possível determinar/encontrar o volume, e pedia para criar a partição manualmente no SSD.

      Daí eu excluí a partição que eu tinha criado no SSD e criei denovo pelo ExpressCache no prompt de comando.

      Obrigado, deixo aqui minha contribuição.

      Excluir
  8. Olá Thiago.
    Fiz tudo seguindo o tutorial e funcionou fino, só que após alguns dias o ExpressCache começou a tipo se auto desativar sozinho ao ligar a maquina se percebe a falta que ele faz pela demora em iniciar o sistema e também ao abrir aplicativos. Você sabe o que poderia ser isto?
    Estou usando o Windows 7.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo. Uma vez desde que eu instalei o cache eu percebi esta situação, mas depois nunca mais. Infelizmente eu não sei dizer o motivo de isso acontecer mas sugeriria você instalar novamente os drivers do Express Cache. Isso pode ajudar. Além disso, também tentaria algum suporte no fabricante, mas não sei o quanto eles conseguiriam resolver isso.

      Excluir
  9. tu conseguiu configurar o express cache + o rapid start ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo. Na época eu não pesquisei tanto sobre o Rapid Start, mas sim sobre o Rapid Storage (Que são quase a mesma coisa). Pelo o que eu li, não seria possível implementar a tecnologia da Intel no nosso UltraBook devido ao seguinte Pré-Requisito:
      - SATA mode in BIOS to RAID.

      Mas eu não me aprofundei e pode ser que eu tivesse feito alguma besteira. Em todo o caso, acho que o Express Cache é algo similar ao Intel Rapid Speed ou Storage mas que não foram feitos para funcionar em conjunto.

      Se você tiver uma outra opinião, eu ficaria bem contente em ouvi-la, porque posso não usar hoje. Mas amanhã quem sabe?! =D

      Eu acho essas referências bem legais:
      Intel® Rapid: http://goo.gl/4GNifT
      Intel® Rapid Start: http://goo.gl/NuL0PW
      Guia do usuário da Tecnologia Intel® Rapid Start®: http://goo.gl/mgdQo2


      Abraços!

      Excluir
  10. Oi, instalei o Windows 8 no samsumg series 5, mas não consegui ativar o express cache. fiz todo o procedimento, mas quando é para digitar o comando "CREATE PARTITION PRIMARY ID=AF", não funciona, o prompt não reconhece como um comando válido. o que faço???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Martins. Você ainda está dentro do DISKPART quando executa o comando? A partição está convertida corretamente seguindo os passos do tudorial acima? Abraços!

      Excluir
    2. tb to na mesma

      Excluir
  11. Parabéns ao autor da página. Apenas para contribuir, no meu caso, o único que funcionou no meu Samsung foi este: http://community.acer.com/t5/Ultra-Thin/GUIDE-Install-ExpressCache-for-SSD-Caching/td-p/64381

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem detalhado mesmo este artigo e ainda com o adicional do Intel Rapid Start. Obrigado por compartilhar!

      Excluir
  12. Bom Gente, eu tenho um ultrabook Asus, e conseguir fazer a configuração da seguinte maneira,

    Depois que foi em DISK PART, e limpou (clean) a partição sdd.

    com o expresscache instalado é so abrir o Prompt de Comando (como Administrador) executar o comando

    ECCmd -partition (esse comando ira criar a partição)

    depois executar

    ECCmd -format (esse comando formatara a partição,)

    Pronto,

    Não vai precisar fazer essas etapas:

    Se você estiver usando o Windows 7, digite CONVERT MBR. Para o Windows 8: CONVERT GPT;
    Digite CREATE PARTITION PRIMARY ID=AF.

    Depois você pode executar o comando ECCmd -INFO que vai te mostrar detalhes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não havia procurado sobre outros parâmetros do ECCmd. Bom saber que existem, obrigado por compartilhar.

      Excluir
    2. Boa tarde! primeiramente parabéns Thiago. no Meu ACER M5 com SSD de 18GB tb tive o mesmo problema relatado por outros colegas usando o windows 8 após conveter para GPT o comando "CREATE PARTITION PRIMARY ID-AF" não aceitava. então refiz tudo seguindo todos os passos umas 4 vezes tentando mesclar comandos de outros fórums até perceber que não iria funcionar. Só então lendo aqui os comentários verifiquei o que disse o colega HSSS e foi fantástico, sem precisar reinstalar novamente pela 5ª vez, voltei ao Diskpart, selecionei novamente o disco e dei o comando clean e fui ate o expresscache e executamos os comandos ECCmd conforme descrito, partition e depois format e pronto! já está aqui rodando como deveria! muito bom, não sei se vai funcionar para todos, mas se funcionar da forma como você iniciou e como o HSSS complementou fica bem fácil fazer, pois nem necessita desinstalar o expresscache (para muitos que já tenham instalado) fica aqui o meu comentário, funcionou também para o ACER M5 e obrigado a todos! abraços!

      Excluir
  13. De nada, quiser adicionar no skype para trocar informações, é filipetol o skype.

    ResponderExcluir
  14. Olá Thiago Lima e HSSS
    Gostaria de agradecer a matéria no blog, pois foi a única que me ajudou a resolver esse problema. Assim como o HSSS, eu também acabei de comprar um Ultrabook Asus e estava com o mesmo problema!
    Contudo, a única diferença que senti é que a inicialização ainda continua lenta, como se o SSD não estivesse trabalhando. Para que ele volte a ter as mesmas velocidades, tem mais alguma configuração a ser feita?
    Aguardo seu retorno!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amigo, tudo bem? Que bom que você gostou do post. A ideia de escrevê-lo foi justamente porque eu não achava em nenhum lugar todas as informações que eu precisava de maneira simples.

      Em relação à velocidade, acredito que leve um tempo para o driver entender qual é o seu uso e adaptar-se às suas necessidades. Você vai perceber benefícios mesmo no boot e em outras tarefas mais frequentes.

      Mas vamos lembrar que, uma maneira de certificar-se de que o cache está acontecendo é através do ECCmd -INFO. Se isso estiver ok, acredito que você em breve experimentará dos benefícios do cache.


      Abraços,
      Thiago Lima

      Excluir
  15. Olá amigo

    Fiz tudo o que vc postou, e não deu certo. Da uma mensagem assim:

    HFS Volume is not mounted.

    Error, ECCmd requested device is not available : 2

    Fiz tbm o que os amigos sugeriram nos posts e nada deu certo

    Estou desesperado cara, ja fiz de tudo e nada está dando certo.

    Se puder dar uma ajuda ficaria extremamente agradecido!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, estou tendo o mesmo problema, como conseguiu resolver este problema amigo?

      Excluir
    2. Estou com o mesmo problema. Como montar esse HFS?

      Excluir
  16. Cara, graças a deus consegui fazer funcionar aqui, pelo menos no ECCmd -info ta dando a mensagem correta agora...

    Minha dúvida agora é como faço pra saber se o ssd está funcionando como cache? Além desse ECCmd -info tem algum outro jeito de saber ou só assim ja da pra ter certeza?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Thiago. Eu tinha escrito um texto que acabou não sendo atualizada, então perdão se eu mandar uma resposta duplicada.
      Com o comando ECCmd -info você consegue ver, através do parâmetro "Mounted", se a partição está corretamente preparada e pronta para o Cache ser executado.
      O primeiro sinal de que está funcionando o Cache é que você notará um ganho muito significativo em tarefas repetitivas como Hibernação ou Encerramento/Inicialização do sistema. Além disso, quando você efetuar a cópia de um arquivo, após o sistema informar que a cópia foi concluída, você perceberá que o LED que indica atividade de disco continuará piscando, pois é neste momento em que o arquivo copiado será removido do Cache e alocado no disco rígido convencional da máquina.
      Entretanto, se você quer verificar se o Cache está funcionando através de números, execute o comando ECCmd -info e verifique os parâmetros "Cache Read Percent" e "Cache Write Percent" apos um tempo de uso. Caso esteja tudo funcionando corretamente, estes valores estarão bem altos (algo próximo de 80%, mas dependerá da sua utilização do sistema).


      Abraços!

      Excluir
    2. Thiago Bach, estou com o mesmo problema de nao ser reconhececido o SSD no comando ECCmd -partition...aparece como valume indispponivel tbm, como conseguiu solucionar isto? abrax

      Excluir
  17. Thiago, boa noite. Eu tenho um Samsung Series 5 com Win 8.1 e teu post me permitiu desligar o cachê SSD. Eu acabei descobrindo que o Win 8.1 procurava o SSD no lugar errado! e a Samsung não forneceu uma atualização para reorientar o uso do cachê. Enfim, agora quero comprar um SSD para substituir o HD e te pergunto: que cuidados devo ter? ou posso comprar um SSD de 2,5" comum? Para reinstalar o sistema original é possível baixar o instalador do windos do site da samsung? Como vc fez? Tem um outro post a este respeito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dércio. Eu hoje uso um SSD direto e não estou mais fazendo uso do cache, porque não faz sentido. Acredito que os cuidados que você precise tomar são os de comprar um HD que seja sim SSD de 2,5" mas com espessura de 0,7mm ao invés de 0,9mm (que é o padrão de HD de notebook). Isso porque, uma vez que temos um ultrabook, a espessura do HD foi reduzida para permitir a redução na espessura da máquina.
      Em relação à instalação, é muito mais tranquilo. Instale o windows da maneira convencional e não se preocupe com o cache, já que você não precisará dele. Na hora de instalar os drivers, utilize o utilitário da Samsung sem medo que vai dar tudo certo.
      No meu caso eu estou usando o Windows 8.1 também. Atualizei partindo do Windows 8 o qual tinha a mídia de instalação e a chave de licença.
      Não sei se a Samsung disponibiliza a mídia em si, acho que não. Acho que, no máximo, você teria que ter comprado/solicitado o upgrade do Windows 7 para o 8 de modo a ter uma chave da nova versão bem como a mídia de instalação.
      Voltando ao dispositivo a ser comprado, eu estou usando este HD SSD da Samsung com capacidade de 120Gb e estou sendo muito feliz: http://www.samsung.com/global/business/semiconductor/minisite/SSD/uk/html/about/SSD840.html

      Espero ter ajudado, abraços!

      Excluir
  18. Thiago reparei que funcionou com o comando eccmd - info porém reparei que a inicialização não ficou como a original esta demorando de 20 a 25seg quando antes era uns 8 seg será que tem alguma coisa a fazer com os arquivos de inicialização, ou , somente ira funcionar para programas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo. Demora mesmo um pouco para o driver identificar o que você mais usa e começar a montar no cache. Verifique se o read e write percent estão incrementando e se este tempo começa a diminuir.

      Excluir
  19. Utilizando o 8.1, no notebook NP530U3C-AD5BR, se converter para MBR ou GPT não funciona, funcionou somente quando:
    1. Desativei a opção fast boot na BIOS
    2. Desinstalei o ExpressCache no Windows
    3. Executei o comando clean para a partição do SSD, no diskpart
    4. Reiniciei e ativei o Fast Boot na BIOS
    5. Instalei o driver do ExpressCache para Windows 7 64bits (Oficial)¹
    6. Reiniciei e chequei com o comando eccmd -info aparece a partição

    ¹ O SW Update não acha o ExpressCache para o Windows 8.1, então entrei no site de suporte da Samsung e baixei a versão ultima para Windows 7 64bits do ExpressCache, o que funcionou comigo.

    Seguindo o tutorial desse vídeo: http://youtu.be/2NG204TkQiU para instalação e no final instalando o ExpressCache e reiniciando acredito que já deixa funcionando o mesmo, como acabei tentando mudar a partição, não sei se estava...

    ResponderExcluir
  20. OLa meu caro, ja nao sei o que fazer. Comprei o ultra com w7, migrei pro 8, nao sabia desse recurso de inicialixacao rapida, tentei varios tutos, porem o meu hd e hibrido, tem 700gb + 24 ssd, depois de ter instalado o 7 e os drivers pelo sw update, o expresscache aparece no easy settings e depois some, no list disk o ssd nao aparece. Me da uma luz pelo amor de Deus, e a proposito, qual o tempo de inicializao medio nesse ultrabook. o meu modelo e np530u4c-a01s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sugiro você instalar o 8 seguindo o tutorial e, caso não der certo, ver as dicas do nosso amigo HSSS. Tem funcionado com o pessoal. Abraços!

      Excluir
  21. Depois de 7, horas fazendo tudo que vcs falaram nesses tutorais e nada dando certo, resolvi formatar o SDD, até a parte do clean que vc havia falado, depois disso instalei o expressecache e reinicie e ai o win fez o seu trabalho, converteu o SSD pra un formato que não o GPT, mas finalmente a msg do eccmd -info mostra o cache funcionado.
    abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bruno! Parabéns por ter conseguido, e obrigado por comentar seu testemunho!

      Excluir
  22. Não sei o que fiz de errado, mas quando executo "ECCmd -Info" me retorna a seguinte mensagem:

    EC Cache Info
    ==================================
    Product is not licensed to run on this system

    Estou usando "Windows 8.1 Pro"
    Meu ultrabook é LG Z430.

    Alguém ai pode me ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ivan, eu acredito que você esteja recebendo esta mensagem porque o driver do ExpressCache deve ser obtido com o fabricante de cada NoteBook. No meu caso, coloquei o link do download da versão para equipamentos Samsung, mas acho interessante você procurar pelo driver específico para o seu dispositivo.
      Após isso, eu acredito que os passos sejam semelhantes, mas, sinceramente, eu não cheguei a testar.

      Excluir
  23. no meu faço tudo como no tutorial depois q instalo o expresscache e reinicio o windows ele dou o comando de informação ele diz q a partição não está montada, oq pode estar acontecendo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Charles, você está usando qual versão do Windows? Lembrou de formatar direitinho de acordo com a versão (7 ou 8)? Note que há diferença neste ponto. Abraços!

      Excluir
  24. Cara excelente post, ainda não realizei os procedimentos referenciados, mas chegando em casa certamente os executarei..

    Parabens!

    ResponderExcluir
  25. Eu fiz tudo certo usando o MacDriver, deu tudo certo e instalei tudo.
    Mas como confiro se funcionou ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amigo. Você pode ver isso através do incremento dos campos Cache Read Percent e Cache Write Percent. Além disso, a diferença em performance no boot, por exemplo, em um pequeno espaço de tempo, vai passar a ser BEM melhor.

      Excluir
  26. Vou compartilhar algumas informações que obtive para instalar o windows 8.1 do zero nessa máquina. O modelo do notebook é o Samsung NP530u3c-ad3br. Vou ter que partir o texto porque as postagens tem limites.

    1) Em primeiro lugar, era importante descobrir uma maneira de instalar e utilizar a chave original dele, uma vez que ele veio com o Windows 8 Single Language mas o mesmo, provavelmente por causa das tranqueiras que vinham instalados pela Samsung, não permitia que as atualizações, bem como o Windows 8.1 fosse instalado.
    Assim, descobri no site abaixo a forma de recuperar a chave original direto da Bios (lembrando que nesse notebook a chave já vem pré-instalada na BIOS):
    http://forums.mydigitallife.info/threads/40897-Guide-to-preserve-Windows-8-x-OEM-Activation?p=690668&viewfull=1#post690668
    Esse site acima dá algumas dicas de como extrair a sua chave original na BIOS.
    Abaixo outra ferramenta que testei também e que também extraiu e me passou a chave original:
    http://www.belarc.com/pt/free_download.html
    O software acima também encontrou a chave original.

    2) O próximo passo foi encontrar uma versão de DVD OEM do Windows 8.1 para instalar do USB. No meu caso a versão orginal era de 64 bits. Assim, após muita pesquisa, cheguei a uma versão nesse site:
    http://forums.mydigitallife.info/threads/47732-The-Windows-8-1-%28-amp-related%29-Repository#a31ii
    Ao procurar na lista, em Portuguese (PTBR), você encontra duas versões: a de 32 e a de 64 bits. Procure o link magnet que possui a versão desejada. No meu caso foi a de 64 bits.
    magnet:?xt=urn:btih:960F42E41BE8EABBCB32DA8565DE332F8D4874B5
    OBS.: Importante esclarecer que, após estudar bastante, parece que para a opção Secure Boot, na BIOS, funcionar, é necessário o sistema ser de 64 BITS. Também, quando for instalar, o HD deve ser convertido para GPT.

    Continua...

    ResponderExcluir
  27. 3) Depois o lance era gravar os arquivos de instalação do DVD do Windows 8.1 em um pendrive. Mas ocorre que para o pendrive ser reconhecido com a opção Secure Boot, o mesmo precisa estar formatado para GPT. Assim, no site abaixo, descobri como formatar o pendrive e colocar nele os arquivos de instalação do Windows 8.1:
    https://blog.lambda3.com.br/2012/11/como-instalar-o-windows-8-a-partir-do-usb-num-sistema-com-uefi/
    OBS.: Atenção a esses passos! Se escolher volumes ou discos errados você pode apagar dados que não quer no seu sistema em que estiver fazendo esses procedimentos. O importante é escolher certo o pendrive na lista de discos (volumes), apagá-lo usando o comando "delete volume override" (não use as aspas nos comandos, apenas coloquei elas para facilitar aos leitores identificar os comandos no meio do texto - isso é válido para todo e qualquer comando que eu escrever nesse texto), depois usar o comando "convert gpt" para converter o pendrive para esse formato, depois criar uma partição no pendrive usando o comando "create partition primary" e, finalmente, formatando usando o comando "format fs=fat32 label=”Windows 8″ quick". O label você pode usar outro se quiser (é apenas o nome do volume ou partição). Depois, monte o DVD do Windows 8.1 com o Daemon Tools, por exemplo, e copie todo o conteúdo para o pendrive.

    Continua...

    ResponderExcluir
  28. 4) No site abaixo, o autor ensina a instalar o Windows 8 do zero:
    http://www.programactrlaltdel.com/blog/2012/10/30/fazendo-uma-instalacao-limpa-do-windows-em-ultrabook-da-samsung/comment-page-3/
    MAS ATENÇÃO!!! Esses passos, se forem seguidos, permitem a instalação do sistema montando o HD com MBR e não com GPT, o que impede que o Secure Boot funcione.
    Então, ele é interessante apenas para saber como preparar o HD usando o diskpart.
    O que você deve fazer se quer instalar o 64 bits com o Secure Boot ativo é:
    4.1) Ative o Secure Boot na bios;
    4.2) De boot pelo USB com a instalação do Windows (lembre-se que tem que ser o pendrive feito da forma como já falei antes, na instrução 3);
    4.3) Antes de instalar o Windows, entre na opção "Reparar", "Solução de Problemas" e depois "Prompt de Comando";
    4.4) Com o prompt aberto digite "diskpart";
    4.5) Digite o comando "List Disk" - você verá quantos discos tem no seu sistema (no meu tinha o HD normal de 500 GB e um SSD de 24 GB). O Hd normal é o disco 0 e o SSD é o disco 1 (verifique se no seu sistema os discos estão nessa mesma ordem - o SSD sempre ou quase sempre é o menor em tamanho);
    4.6) Digite o comando "sel disk 0" (para selecionar seu HD principal);
    4.7) Digite o comando "clean" (isso apaga todo o seu HD - só faça isso se realmente quer apagar tudo e instalar do zero pois isso apaga as partições originais de recuperação do sistema);
    4.8) Digite o comando "convert GPT" (para converter seu HD para o formato GPT);
    4.9) Digite o comando "sel disk 1" (para selecionar seu HD SSD);
    4.10) Digite o comando "clean" (isso apaga tudo o que está no seu HD SSD);
    4.11) Digite o comando "convert GPT" (para converter seu SSD para o formato GPT);
    4.12) NÃO FAÇA MAIS NADA - ou seja, não precisa criar partições nem nada. Apenas saia do prompt com o comando "exit" e desligue o computador.

    5) Ligue novamente o computador com o pendrive lá e deixe iniciar a instalação do windows;

    Continua...

    ResponderExcluir
  29. 6) Clique em Instalar Agora;
    6.1) Após clicar em instalar agora, você seleciona a língua e o teclado e prossegue. Na sequência, o windows pede uma chave de instalação. Encontrei uma chave genérica que só serve para a instalação no seguinte site: http://www.eightforums.com/installation-setup/36199-dreaded-oem-clean-install.html
    A chave para o Single Language é a seguinte:
    Windows 8.1 Single Language Y9NXP-XT8MV-PT9TG-97CT3-9D6TC
    Obs.: Essa chave não ativa o Windows, apenas serve para instalá-lo e depois mostrarei o que fiz para restaurar a chave original.
    6.2) Após isso, verifiquei informações em 2 sites:
    http://forums.tweakarena.com/showthread.php?t=192
    e
    http://www.eightforums.com/tutorials/2328-uefi-unified-extensible-firmware-interface-install-windows-8-a.html
    Observem que o primeiro site ensina a apagar o HD e a convertê-lo para GPT nessa tela de instalação do Windows, de modo que parece ser tranquilo fazer isso aqui (eu particularmente apaguei e converti do jeito que falei anteriormente no tópico 4).
    6.3) Bom, caindo na tela de instalação, você verá os dois discos do computador (Disco 0 e Dico 1). Ambos estarão zerados. Então você deve escolher o disco principal, o HD normal do computador não o SSD. No meu caso era o Disco 0. Então selecionei o Disco 0, cliquei em Novo (ou em criar) para criar uma nova partição. Escolhi uma partição de 150000 (150 Gb) porque gosto de utilizar uma partição apenas para o sistema e depois crio outra partição para os dados pessoais. Após clicar em aplicar, o instalador avisa que o windows pode criar outras partições para seu correto funcionamento e instalação. Dê ok e prossiga.
    6.4) Observem que após isso ser feito, o instalador vai criar várias partições no disco, não somente a que você mandou fazer no passo anterior. Agora devem ter 4 partições: Drive 0 Partition 1: Recovery (tipo recovery); Drive 0 Partition 2 (tipo System ou Sistema); Drive 0 Partition 3 (tipo MSR Reserved) e Drive 0 Partition 4 (Primary). Escolha (selecione) essa partição 4 (que foi a que você mandou fazer) e clique em Next ou Próximo para instalar o windows nessa partição.

    Continua...

    ResponderExcluir
  30. 7) Após o windows terminar a instalação, está na hora de retornar com a chave original de ativação. Para isso, encontrei como fazer nesse site:
    http://lebgeeks.com/forums/viewtopic.php?id=14325
    Em uma das respostas um usuário diz para abrir um prompt de comando com privilégios de administrador -> Prompt de Comando (Admin) e usar os seguintes comandos:
    7.1) "slmgr.vbs /upk" - este comando desinstala a chave genérica que você usou para instalar;
    7.2) "slmgr.vbs /ipk sua-chave-aqui" - este comando você manda instalar a sua chave que você recuperou lá atrás, no passo 1). O comando deve ficar mais ou menos assim: "slmgr.vbs /ipk 12345-ert54-xpvkg-67543-iortu". Note que você pode escrever o serial original que você possui com os traços (-) entre as séries de 5 digitos.
    7.3) Após ter feito isso, apenas conectei o pc à internet e ele se ativou sozinho. De todo jeito, você pode abrir a Charm Bar e procurar por Ativar Windows, selecione a opção "Ver se o Windows está ativado" e clicar nela. Se tudo deu certo, ele já vai estar ativado e algumas marcas dágua com informações que estavam no canto inferior direito sumiram. Se não, reinicie a máquina primeiro e veja se ele ativou, antes de repetir o procedimento 7.
    7.4) Abri o Gerenciamento de Disco (como no site http://forums.tweakarena.com/showthread.php?t=192, o passo 17) e criei mais duas partições, uma com 280000 (280 Gb) para meus dados pessoais e outra com 40000 (40 Gb), mais ou menos, o restante que tinha, que usarei para deixar a imagem do HD após ter feito os updates, limpeza do sistema, etc, para caso de necessidade de problemas, restaurar o sistema desse ponto. Observo que para a partição de 280 Gb eu selecionei montar o volume como D e a de 40 Gb não, apenas a criei, mas não mandei utilizar nenhum volume. Assim, no Explorador de Arquivos, apenas aparecem os volumes C (sistema) e o D (que podemos dar o nome que quisermos na criação da partição).

    Continua...

    ResponderExcluir
  31. 8) Fazer as atualizações via windows update. Fiz tudo o que oferecia, menos drivers de dispositivos pois utilizarei, posteriormente, o SW Update da Samsung para baixar os drivers indicados por eles.

    9) Tudo pronto? Atualizações feitas? Windows rodando quase 100%? É hora de fazer a limpeza do sistema para excluir arquivos temporários, lixos deixados pelos updates, etc.
    9.1) Abrir a Charm Bar e procurar – Liberar Espaço -> Liberar espaço em disco excluindo arquivos desnecessários. O aplicativo de limpeza é iniciado (ver também em: http://windowsfail.blogspot.com.br/2013/08/windows-8-ferramenta-limpeza-de-disco.html#.U5ikPECGf8c).
    9.2) Drive C escolhido, clique em OK. Clique em "Limpar arquivos do sistema" para exibir todas as opções da ferramenta. C escolhido, clique em OK.
    9.3) Selecione tudo o que você acha que deve limpar. Eu seleciono tudo, inclusive abro a aba Mais Opções e limpo cópias de sombra e arquivos de restauração do sistema.
    9.4) Depois é hora do desfragmentador de disco: http://www.reviversoft.com/pt/blog/2012/10/defragment-and-optimize-your-drive-in-windows-8/
    9.5) Depois a criação da imagem do sistema antes de testar instalar o SW Update da Samsung e tentar configurar o Express Cache e o Intel Rapid Start. Veja aqui como criar imagem do sistema: http://www.baboo.com.br/windows/windows-81/imagem-para-backup-do-windows-8-1/

    Enfim, até agora tudo bem. Ainda não fiz o desfragmentador e a copia da imagem mas creio que não terei problemas com isso.

    Depois prosseguirei para descobrir a solução da questão do Express Cache e do Intel Rapid Start. Aó posto o que descobri posteriormente.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma continuação sobre o passo 9.1, 9.2 e 9.3 - está demorando demais a limpeza. Não sei se está havendo algum problema ou se é normal pelo fato de ter atualizado do win 8.1 para o 8.1 update 1. Fato é que essa tarefa está agora por volta de 60% dela. Assim, vejo que já tem 1 hora mais ou menos desde que mandei fazer. Mas está andando, não está parada ou congelada. Enfim, se depararem com isso, creio que é normal. No entanto já dei uma pesquisada e pode ser problema com os arquivos do windows update que podem ter se corrompido, conforme vi nesse site: http://www.eightforums.com/performance-maintenance/29803-disk-clean-up-windows-update-clean-up-stuck.html

      Excluir
    2. Deu certo, demorou mas tudo correu bem. Após a limpeza de disco, fiz a desfragmentação de disco e criei a imagem do sistema para realizar meus testes sobre instalação e configuração do Intel Rapid Start e do ExpressCache.

      Excluir
    3. Ah, uma observação aqui: para a partição de 40 Gb que eu criei para colocar a imagem do sistema ser reconhecida pelo programa de criar imagem, tive que entrar no Gerenciador de Discos e assinalar uma letra para a unidade, no caso, utilizei a letra E.

      Excluir
  32. Continuando...

    Pois bem, após uma série de testes, creio que consegui chegar a uma resposta satisfatória.

    O que ocorre é que parece que a opção RAID no bios do Samsung NP530u3c-ad3br vem travada de fábrica, o que impede de utilizar e configurar o Intel Rapid Storage da forma como vi em alguns sites. Por outro lado, parece que podemos habilitar o Intel Rapid Start e o ExpressCache. Ainda estou fazendo alguns testes para verificar se o pc entra em Sleep e após um tempo, entra em hibernação automaticamente, utilizando o Intel Rapid Start.

    O que ocorre é que em modo sleep, mesmo estando aparentemente desligado, o notebook permanece utilizando energia e vai descarregando a bateria lentamente. Quando em modo de hibernação, isso não ocorre, ou seja, o notebook grava no HD o estado em que estava antes de hibernar e, quando religamos o note, o sistema carrega o estado anterior do HD e entra bem mais rápido no sistema. A ideia é usar o Intel Rapid Start para gravar esses dados de hibernação no SSD e, o ExpressCache, é outra tecnologia, que sempre verifica os softwares e aplicativos mais utilizados e acessados e mantém um cache dessas informações também no SSD, fazendo com que eles entrem mais rápido.

    Após todas essas explicações, peço que me corrijam se eu escrevi alguma bobagem acima.

    Abaixo passarei a detalhar a forma como consegui configurar tudo.

    Continua...

    ResponderExcluir
  33. Continuando...

    10) Após ter feito os passos anteriores, consegui configurar tudo da seguinte forma...
    10.1) Formatação e configuração do SSD (lembro que meu SSD ficará no formato GPT e então a ordem a se seguir é a que descrevo abaixo - se for MBR, vejam o 10.1.2).
    10.1.1) GPT
    • Abram o prompt de comando administrativo e sigam os comandos abaixo:
    • diskpart
    • list disk (verifiquem os discos que você possui - no meu caso como já falei anteriormente, existem 2 - o HD e o SSD, sendo que o SSD é menor 22GB e o HD normal é de 500 GB.
    • select disk x – “X” sera o número do SSD (ou HD com menor tamanho)
    • clean
    • convert gpt
    • list disk
    • select disk x – “X” sera o número do SSD (ou HD com menor tamanho)
    • create partition primary size=3000 (usei 3 GB de espaço para o Intel Rapid Start - alguns dizem que essa partição deve conter a mesma quantidade de memória RAM, mas creio que não necessite ser isso tudo pois eu havia tirado fotos de como as partições estavam inicialmente no notebook antes de formatar tudo e reinstalar e havia no SSD 2 partições, uma de 3 GB e a outra com o restante do SSD. Portanto inferi que o Intel Rapid Start estava configurado utilizando uma partição de 3 GB.
    • set id=D3BFE2DE-3DAF-11DF-BA40-E3A556D89593
    • list part (conferir as partições do SSD)
    • select part x - x será a partição de 3 GB que você acabou de criar. Normalmente ela será a partição 2 pois quando convertemos o disco para GPT, cria-se uma partição inicial (1) automaticamente
    • detail part x - x é a partição criada anteriormente - isso serve para verificar se o id da partição está correto (id=D3BFE2DE-3DAF-11DF-BA40-E3A556D89593)
    • exit
    Depois disso pulem para o passo 10.2 - abaixo colocarei a sequência para disco MBR (ao invés de GPT)
    Continua...

    ResponderExcluir
  34. 10.1.2) MBR
    • Abram o prompt de comando administrativo e sigam os comandos abaixo:
    • diskpart
    • list disk (verifiquem os discos que você possui - no meu caso como já falei anteriormente, existem 2 - o HD e o SSD, sendo que o SSD é menor 22GB e o HD normal é de 500 GB.
    • select disk x – “X” sera o número do SSD (ou HD com menor tamanho)
    • clean
    • list disk
    • select disk x – “X” sera o número do SSD (ou HD com menor tamanho)
    • create partition primary size=3000 (usei 3 GB de espaço para o Intel Rapid Start - alguns dizem que essa partição deve conter a mesma quantidade de memória RAM, mas creio que não necessite ser isso tudo pois eu havia tirado fotos de como as partições estavam inicialmente no notebook antes de formatar tudo e reinstalar e havia no SSD 2 partições, uma de 3 GB e a outra com o restante do SSD. Portanto inferi que o Intel Rapid Start estava configurado utilizando uma partição de 3 GB.
    • set id=84 override
    • list part (conferir as partições do SSD) - deve haver apenas uma partição ( a que você criou anteriormente)
    • exit
    NOTA: se estiver usando o modo MBR, você pode abrir o Gerenciador de Disco e verificar se essa partição aparece com o nome de Partição de Hibernação ou algo assim. Vejam como seria no manual do Intel Rapid Start - http://download.intel.com/support/motherboards/desktop/sb/rapid_start_technology_user_guide_for_uefi_v13.pdf - procurem a seção 4.2 desse manual, vejam que na imagem do Gerenciador de Disco há 2 discos, um de 465 GB e um de 55 GB - notem que a segunda partição do de 55 GB está escrito "Healthy Hibernation". Se você fez correto, a sua partição inicial do SSD tem 3 GB (ou a quantidade que você escolheu) e está assinalada como Partição de Hibernação.

    ResponderExcluir
  35. Antes de prosseguir, colocarei três observações:

    1) no modo GPT, no Gerenciador de Disco, não aparece a partição como Partição de Hibernação. Apenas aparece a partição de 3 GB lá. Creio que ela apenas apareça com o nome de Partição de Hibernação se utilizar o esquema MBR. Não sei se isso é assim mesmo ou se tem algo errado no que fiz, mas creio que não, porque os primeiros testes que fiz mostraram que o Intel Rapid Start reconhece corretamente a partição GPT - exemplo disso é que testei, uma vez, formatar o SSD com o Intel Rapid Start já instalado e após reiniciar a máquina ele enviou avisos de erro que não havia enviado antes - então suponho que estava funcionando e quando formatei o SSD de novo, o Intel Rapid Start se desconfigurou.

    2) Minha informação com relação à partição ser de 3 GB se relaciona ao modelo que estou em mãos. Deixo claro que esse modelo possui 4 GB de RAM, sendo que parte dela é utilizada para vídeo, ou seja, na realidade ele trabalha com 3 GB e poucos. Mesmo assim, eu ia colocar 4 GB (4000) quando criei a partição mas, como já falei, eu tinha tirado fotos do Gerenciador de Discos antes de começar a fazer pesquisas no note, e antes ele utilizava uma partição de 3 GB e a outra com o restante, como já falei.

    3) Como falei lá atrás, o fato de o RAID mode ser travado na bios, impede que o Intel Rapid Storage funcione como deveria, ou seja, utilizando-se de um modo raid. Por outro lado, parece que o ExpressCache tem a função de fazer a mesma coisa, sem a limitação e a obrigação de criar sistemas de raid, etc. É por esse motivo que quando vemos imagens das telas de configuração do Intel Rapid Storage em modo Raid, existe um botão "Acelerar" e quando não está em modo Raid, como no caso deste notebook, não há esse botão. Mas, como já falei, o ExpressCache fará a mesma coisa (terá o mesmo efeito).

    Continua...

    ResponderExcluir
  36. Continuando...

    10.2) Instalar e configurar o Intel Rapid Storage - baixei a versão 12.9.0.1001 do SetupRST.exe no site de downloads da Intel: https://downloadcenter.intel.com/Detail_Desc.aspx?agr=Y&DwnldID=23496&ProdId=2101&lang=eng&OSVersion=Windows%208*&DownloadType=
    Essa foi a versão que eu instalei - notem que mesmo sem o raid estar habilitado, esse driver é necessário pois ele é reponsável por gerenciar os discos e provavelmente será fundamental para o correto funcionamento do Intel Rapid Start. No SW Update da Samsung existe uma versão para instalar mas não é essa versão. A do SW Update vem configurada para não ser acessada e não aparecer seu ícone na barra de ícones da área de notificação. Já esta versão acima aparece lá (Tecnologia de armazenamento Intel Rapid). Depois de instalar, reiniciar a máquina.

    10.3) Instalar o Intel Rapid Start. Instalei a versão 3.0.0.1053, baixada de: https://downloadcenter.intel.com/Detail_Desc.aspx?lang=por&DwnldID=21612
    Após instalar, aparece outro ícone na área de notificação, é o ícone do Intel Rapid Start Technology Manager. Ao clicar sobre ele, a primeira vez, algumas mensagens de erro ocorrerão. Mas após você dar OK, abrirá o software. Exitem 3 opções nele: Intel Rapid Start Technology; Bateria Critica e Temporizador. Deixe as 3 ativadas (Ligado) e arraste a barra abaixo de temporizador para o tempo que você quiser definir como o momento para entrar em hibernação. Pelo que entendi desse software, o que ele faz é o seguinte: vamos supor que você configurou o windows para dormir (sleep) após 20 minutos, ou quando fecha o monitor do notebook, ou quando pressiona o botão de desligar. Assim, ele entra em sleep mode que, como já falei, deixa o pc aparentemente desligado mas ele fica ligado, consumindo pouca energia, mas consumindo. Se você selecionar o Intel Rapid Storage para ser ativado após 25 minutos, o que ele faz é o seguinte: ele grava no SSD as informações relativas ao estado atual do sistema, saindo do modo sleep e entrando em modo de hibernação. No modo de hibernação, ele não consome energia (desliga o aparelho). Assim, quando você liga o aparelho, ele sai da hibernação e o Intel Rapid Start puxa os dados do SSD, de forma que o aparelho liga bem mais rápido.

    Continua...

    ResponderExcluir
  37. 10.4) ExpressCache
    10.4.1) Baixei a versão no site da samsung: http://www.samsung.com/br/support/model/NP530U3C-AD3BR-downloads
    Nesse site, procure a seção de downloads e baixe o arquivo zip: 1.0.86.0 ExpressCache 2012.05.04 LÍNGUA MULTI 6.44 MB. Esse driver é para Windows 7 64 bits mas funciona perfeitamente no windows 8.1;
    Unzip e execute o instalador (setup.exe);
    Após instalar, reinicie a máquina.
    IMPORTANTE!!! Ao instalar o ExpressCache, ele criou sua partição no que restava do SSD sozinho, automaticamente, eu não precisei fazer nada! Testei isso no modo GPT e no modo MBR, após ter criado apenas a partição do Intel Rapid Start. Rafirmo!!! O programa de instalação do ExpressCache criou sua partição no restante do SSD sozinho! Então não precisa ficar criando partição de determinado tipo, instalando macdrive ou nada além de seguir os passos que coloquei acima.

    10.4.2) Abra o prompt de comando administrativo e verifique com o comando eccmd -info (como já explicado no início da postagem do Thiago Lima).

    OBS. FINAIS: Quando instalei o Intel Rapid Storage, o Intel Rapid Start e o Express Cache, eu já havia instalado, via SW Update, os seguintes softwares e na seguinte ordem: 1) Driver de Chipset; 2) Driver de LAN; 3) Driver de Bleutooth; 4) Driver de Som; 5) Airplane Mode Control Driver; 6) Driver de Interface Intel ME. O driver de lan sem fio já havia sido instalado pelo windows update quando o executei. Assim, após essas instalações, instalei o Intel Rapid Storage Technology (SetupRST.exe). Observo aqui que, após reiniciar o notebook, ao rodar o SW Update, a opção Intel Rapid Storage Technology já apareceu instalada, apesar de ser um driver diferente do indicado no SW Update. Após reiniciar e verificar que o software foi instalado corretamente instalei o Intel Rapid Start. Depois instalei o ExpressCache. Por último, rodei o SW Update novamente e instalei o Settings.
    Observo também que ao abrir o settings, existe uma opção Gerenciamento de Inicialização e quando clicamos nela, aparece o ExpressCache. Ele deve estar em On para estar funcionando.

    Não instalei o Quick Starter, o Recovery, o Serviço de Atendimento via..., o support center e o samsung link.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo! Obrigado por compartilhar sua experiência com o recurso. Abraços!

      Excluir
    2. Beleza Thiago. Esses passos são bastante complexos o que impede que um usuário normal consiga fazer seu sistema ficar 100%. Eu penei com esse notebook durante dias até conseguir o resultado que obtive e que considero ter ficado muito bom. Esses lixos que vem nessas máquinas sempre fazem o pc ficar lento, além do que trazem problemas, como as atualizações do windows não eram realizadas, sempre, após o processo, revertendo-as, e impedindo que sem as mesmas, o windows 8.1 fosse instalado. Enfim, se for de ajuda para o pessoal, creio ter atingido meu objetivo de ajudar.

      Excluir
    3. É isso aí, para o Windows 8.1 as atualizações precisam estar 100%. O pessoal só precisa tomar cuidado, porque eu não acho que seja o caso da Samsung, mas esta ação pode anular a garantia segundo as regras de alguns fabricantes (Dell, por exemplo).

      Excluir
    4. Sim, é verdade Thiago! Esses passos aí servem para quem sabe o que está fazendo e, também, se não tem receios quanto a garantia. Apesar de que garantia de harware (componentes eletrônicos) é uma coisa e garantia de software é outra. Não se pode obrigar uma pessoa que adquire um computador a utilizar apenas o sistema que nela vem, sob pena de perder garantia. Se o aparelho der problema e for constatado por técnico que é problema de hardware, o Sistema Operacional utilizado não tem relação alguma com o problema. O máximo que pode ocorrer quando utilizamos outros sistemas em determinadas máquinas é elas não funcionarem 100% por falta de drivers corretos, o que não faz queimar uma placa de rede ou de wireless, por exemplo. Também, da forma como expliquei as coisas, o sistema é original, a chave de ativação é a original, a forma como o sistema está instalado também é como o original. Então, creio não ter erro em realizar os procedimentos explicitados acima. Sou técnico em informática há vários anos e dou assistência a diversas máquinas. Mas confesso que essa aí foi um quebra-cabeça, das que mais deu trabalho resolver.
      Enfim, no Clube do Hardware, fiz uma postagem sobre o assunto e anexei um pdf com todos os passos que fui postando acima. Dei uma organizada e coloquei lá, inclusive citando no documento as informações que consegui aqui no blog. O link é:
      http://forum.clubedohardware.com.br/topic/1075413-notebook-samsung-np530u3c-ad3br-instalar-windows-81-do-zero/
      No final da postagem tem o pdf em anexo.
      Espero ter ajudado.
      Abraços.

      Excluir
  38. Ufa!!! Finalmente, depois de 3 dias, após lêr todas as sugestões desse fórum e principalmente a ultima(do Anônimos) , foi quando consegui configurar o ExpressCache no meu NP530U3C-AD4BR. Parabéns Thiago, pela iniciativa e dedicação nesse fórum. Anônimus, valeu pelo manual.

    ResponderExcluir
  39. Ah só uma informação extra. Meu Windows é o 8.1 Professional 64 bits. Eu já havia tentado suporte com o S service da Samsung e o atendente me atendeu com descaso total. Respondeu me dizendo que a Samsung não dava suporte para o meu sistema operacional. Infelizmente existem pessoas mal qualificadas e preguiçosas em toda empresa. Mas isso não me fez mudar de opinião com relação a Samsung, pois acredito no potencial da empresa e conheço bem seus produtos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não estou mais com a minha porque queimou o LCD e a Samsung não tinha peças de reposição. Sendo assim me devolveu o dinheiro pago no notebook e, na situação, eu peguei uma boa promoção e comprei um Dell.
      Estes pequenos detalhes realmente atrapalham, acho que a Samsung deveria ter peças de reposição já que se propõe a vender o produto, mas para ser sincero eu preferia mil vezes o Samsung que este Dell que estou atualmente. Abraços!

      Excluir
  40. Bom dia a todos. Obrigado pela contribuição que ajudou a instalar o Windows 8.1 Pro 64bits já que eu havia mandado tudo pro espaço para instalar o Ubuntu, mas agora devido a faculdade precisarei de novo usar o tal de Windows.

    Só fiquei com dúvida: instalei os drivers das 3 tecnologias da Intel antes de instalar o SW Update, mas conforme a dica do ANÔNIMO isso deveria ser feito depois de instalar o SW Update e os drivers do sistema, mas tá tudo funcionando então eu pergunto se terei alguma dificuldade como perda de desempenho? Ou não faz diferença?

    Outra coisa que observei foi o tempo de inicialização e desligamento, antes quando comprei o Ativ Book 5 ele veio com Windows 8 Single e iniciava em 12 segundos e desligava em 5 segundos, também o retorno depois da hibernação era 3 segundos, agora inicia em 17s, desliga em 12s e retorno da hibernação em 7s. Alguém percebeu perda de desempenho depois que mandou a partição do SSD pro espaço?

    ResponderExcluir
  41. E quando dou list disk e só aparece o HD de 500GB e mais nada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se o seu computador for da marca Samsung, da Série 5 Ultra e possuir um SSD destinado ao ExpressCache, o que pode estar acontecendo é que o SSD já está formatado com alguma partição que o Windows não reconhece. Sugiro você efetuar o boot com um Live USB de algum outro sistema e tentar identificar o disco.

      Agora, conforme está dito no segundo parágrafo do artigo, pode ser que não esteja aparecendo a partição porque você nunca chegou a formatá-la. Se for isso, este artigo não é para você e sugiro você não formatar a unidade.

      Excluir
  42. Gente, eu estava sumido aqui da página. Eu sou o anônimo que descreveu esse monte de passos aí atrás.

    Sobre a pergunta do Carlos Santos, eu acredito que você não tenha perda de desempenho por ter instalado em ordem diferente. No caso, apenas com uma coisa eu teria cuidado: o driver de chipset sendo instalado posteriormente ao Intel Rapid Storage e o Intel Rapid Start, poderia sobrescrever alguma informação instalada pelas outras tecnologias. Mas não sei se isso ocorre.

    Bom, avançando, agora a luta é para atualizar para o Windows 10.

    Após atualizar, aparece uma mensagem de que o Rapid Start encontrou um sistema de encriptação de disco baseada em software e é necessário ser desativado.

    Não consegui ainda descobrir ao certo o que está ocorrendo uma vez que a atualização aproveitou os drivers da instalação anterior, ou seja, do win 8.1. Após detectar esse problema, o que fiz foi pegar a chave nova do Windows 10, gerada na atualização, e fazer uma instalação limpa do Windows 10. Na sequencia, passei a instalar os softwares novamente.

    Então uma série de problemas se apresentam.

    1) A nova bios (o Samsung update sugeriu atualização da Bios antes de migrar para o Windows 10) não reconhece HD SSD. Lá você vê o HD normal reconhecido como SATA 1, acho, e o SATA 2 não aparece nada. Mas o HD SSD está ligado à máquina e, dentro do Windows, ele é reconhecido normalmente pois através dos comandos diskpart eu consigo acessar o HD normalmente.

    2) Quando a gente tenta instalar os drivers do intel rapid storage mais novos, ele diz que o sistema não é compatível. Provavelmente por esse não reconhecimento do HD SSD na BIOS. Para um perfeito funcionamento do intel rapid storage, a bios não só deveria reconhecer o SSD, como ter uma opção de raid para podermos escolher ativá-la.

    3) Consegui instalar o driver intel rapid storage antigo mas quando tento instalar o driver intel rapid start mais novo dá erro. Diz que é incompatível. Mas se tento instalar apenas o intel rapid start (removendo o intel rapid storage) a instalação funciona perfeitamente.

    4) O outro problema diz respeito a essa mensagem de que o intel rapid start encontrou um software que utiliza encriptação em disco... Parece que é algum tipo de conflito com o ExpressCache, algo que não ocorria no Windows 8.1, mas está ocorrendo no Windows 10. Agora não sei se tudo isso ocorreu por causa da atualização da Bios ou se por outro motivo.

    Enfim, vou procurar mais soluções e se descobrir venho postar aqui.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  43. Bom dia, amigo com o windows 10 não da mais esses procedimentos?

    ResponderExcluir
  44. Anonimo encontrou alguma solução... estou a procura de algumas soluções pois estou usando o W10 tbm.

    ResponderExcluir
  45. Bom dia. O tuto me ajudou bastante. Em troca, vou deixar uma informação que pode ser útil. Após instalar o ExpressCache, pode-se usar o DISKPART para limpar o SSD (o comando CLEAN, no caso), e depois formatar o SSD com o próprio ExpressCache com os seguintes comandos:
    eccmd -partition x
    eccmd -format

    Troque o x pelo número do SSD, no meu caso foi 1, o mesmo número do DISKPART. Funcionando 100% depois disto!

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Romulo. Muitíssimo obrigado pela sua contribuição! Forte Abraço!

      Excluir
  46. Thiago Lima, você ainda possui esse ultra? Está usando o Windows 10 ou o 8.1 ainda? Queria migrar para o 10 novamente, mas isso do express cache não funcionar corretamente no 10, me brocha totalmente... E meu series 5 ainda está novinho e a todo vapor aqui, não acho necessário investir em outro ultrabook só pelo fato do Windows 10... Forte abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Igor. Não o possuo faz algum tempo. Infelizmente queimou a tela do meu e a Samsung me ressarciu por não ter peça para a substituição. Estou com um Dell Inspiron 7000 2-in-1 agora.

      Sobre o Windows 10, realmente acho que vale o update. Já que não funciona o express cache, já considerou usar apenas um SSD no lugar de um híbrido HDD/SSD?

      Excluir
    2. Sério que ela te resarciu? Kkkk Quando foi isso? E o que vc fez para conseguir tal proeza?
      Pois é, já pensei em comprar um HD SSD para fazer upgrade para o Windows 10, mas recentemente eu comprei um outro Ultrabook da Xiaomi, e esse da Sammy eu só uso em casa, dificilmente uso ele para outra coisa a não ser web e emails... Não creio que valeria a pena o investimento apenas para isso...

      Excluir
    3. Faz tempo, acho que foi em 2014. Não foi muito depois de eu escrever este post. Foi feito o ressarcimento tudo certinho, a assistência que fez um ótimo trabalho, nem tanto a Samsung.
      Mas talvez considere um de pouca capacidade usadinho, então... Pode ajudar a dar uma vida nova para a máquina! Abraços!

      Excluir
  47. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir